Reforma para a Copa do aeroporto de Cuiabá deve começar com um ano de atraso

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação/Ministério dos Esportes

    A previsão é que o aeroporto fique pronto até o final de 2013

    A previsão é que o aeroporto fique pronto até o final de 2013

Veja Também

O governo estadual do Mato Grosso anunciou nesta segunda-feira que o Consórcio Marechal Rondon (formado pelas empresas Engebglobal, Farol Empreendimentos e Multimetal Engenharia) fará a reforma e ampliação do aeroporto de Cuiabá Marechal Rondon. Se não houver recurso, a ordem de serviço deve ser assinada nos próximos dias e a obra iniciada, cerca de um ano além do prazo previsto na Matriz de Responsabilidade da Copa, em 2010.

O documento assinado pelas autoridades públicas brasileiras em janeiro de 2010 que contém a previsão de custos e prazos das obras planejadas pelo país para receber a Copa previa que a reforma do aeroporto começaria em janeiro de 2012 e seria finalizada até julho de 2013. O prazo atual para o término da obra é dezembro de 2013.

O preço da obra também mudou. A Secopa (Secretaria Especial para a Copa) do Estado de Mato Grosso anunciou que a empresa escolhida fará a reforma por R$ 77,2 milhões, menor do que a previsão inicial de R$ 88 milhões.

Com a reforma, o aeroporto aumentará sua capacidade de passageiros dos atuais 2,5 milhões para 5,7 milhões por ano. A reforma amplia a área construída de 5.460 para 13,2 mil metros quadrados.

Obras na Arena Pantanal
Obras na Arena Pantanal

Últimas de Copa do Mundo 2014



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos