Copa 2018

Você troca sexo pela Copa? Normal, dizem pesquisa e especialistas

iStock
Levantamento do site YouPorn mostrou que torcedores trocaram pornografia por jogos da Copa em 2014 Imagem: iStock

Daniel Lisboa

Colaboração para o UOL, em São Paulo

19/01/2018 04h00

Muita gente troca os gemidos de prazer pelos gritos de gol. É o que mostra pesquisa realizada durante a última Copa do Mundo por um dos mais acessados e importantes sites de conteúdo pornográfico.

O YouPorn, plataforma de compartilhamento de fotos e vídeos adultos, tabulou os dados relativos ao seu tráfego durante algumas partidas disputadas no Brasil. E os resultados divulgados à época não deixam dúvidas. Quando a bola rolava, seus frequentadores deixavam a pornografia momentaneamente de lado para voltarem só depois do encerramento do jogo.

A pornografia pode esperar. Já a final da Copa...

Assim que começou a final entre Alemanha e Argentina, por exemplo, o tráfego de internautas despencou nada menos que 58% entre os alemães e 67% entre os argentinos. Como uma partida desta magnitude não chama a atenção apenas dos países envolvidos, o YouPorn registrou quedas significativas também entre os frequentadores franceses (40%), espanhóis e italianos (30%).

Entre os países pesquisados, apenas Áustria e Estados Unidos mostraram pouco interesse em trocar pornografia por futebol. Mas, enquanto o tráfego de americanos permaneceu pouco alterado durante o jogo, curiosamente entre os austríacos (vizinhos da campeã Alemanha) a demanda pelo site deu um salto de quase 110% acima do normal após a partida.

Em nenhum outro país pesquisado as pessoas correram tão assiduamente para assistir a um pornô após o apito final, mas o movimento foi generalizado. Tomando novamente a final como base, o YouPorn descobriu que, tanto na Alemanha quanto na Argentina, o tráfego disparou para níveis quase 60% acima dos usuais depois que Philipp Lahm ergueu a taça para os alemães.

7 a 1 adiantou volta de brasileiros ao site

Outro jogo envolvendo a Argentina, a semifinal contra a Holanda, registrou a mesma tendência entre as audiências dos países em campo. Na Argentina, o tráfego do YouPorn caiu 70%, e na Holanda, 50%. A queda também aconteceu em vários outros países, mas parece que neste caso os brasileiros preferiram assistir vídeos pornô a secar Messi e companhia. O país foi uma exceção neste dia, registrando tráfego em torno de 20% maior que o habitual.

Falando em Brasil, os gráficos do YouPorn aparentemente registraram o estado de ânimo de brasileiros e alemães durante o fatídico 7 a 1. Assim que a partida começou, ambas as torcidas seguiram a regra de trocar a pornografia pela Copa do Mundo. Aqui a queda chegou a quase 40%, enquanto os alemães beiraram os 70%.

O que os gráficos também mostram, entretanto, é que os internautas brasileiros voltaram à pornografia um pouco antes dos adversários. Além disso, parece que muita gente na Alemanha decidiu comemorar o massacre se divertindo com vídeos picantes. Ao fim do jogo, o tráfego do YouPorn na Alemanha estourou e chegou a quase 80% acima da média.

Franceses fieis à seleção

Outros países europeus mantiveram o interesse na vitória pornográfica da Alemanha mesmo com o jogo praticamente decidido no primeiro tempo. O site registrou quedas no tráfego acima de 30% em França, Espanha e Áustria. Quando o jogo terminou, franceses e austríacos voltaram tão vorazes ao YouPorn que o tráfego nos países ficou 40% acima do normal. Para variar, os americanos foram a exceção e o tráfego de seus internautas pouco mudou durante a surra.

Um dos países que se mostraram mais “fiéis” à seleção nacional foi a França. De acordo com o YouPorn, todos os jogos envolvendo o time durante a Copa 2014 resultaram em quedas de pelo menos 45% no tráfego. Foi este o número registrado, por exemplo, na partida de oitavas de final contra a Nigéria, vencida pelos franceses por 2 a 0.

O interesse pela Copa do Mundo continuou mesmo após a eliminação da França. Sem um time para torcer, porém, os franceses não estavam já tão certos sobre deixar a pornografia de lado. Sem a seleção, a queda no tráfego se manteve entre 10% e 20%.

Pornografia ou disputa pelo 3º lugar? Pornografia

Outro gráfico que evidenciou o desânimo do torcedor brasileiro com a seleção, e sua opção de buscar por algo melhor a fazer, foi o referente ao duelo com a Holanda pelo terceiro lugar. Enquanto entre os holandeses o tráfego no YouPorn caiu cerca de 30% durante o confronto, aqui os internautas pouco ligaram para a partida: o tráfego de brasileiros se manteve pelo menos 20% acima do normal mesmo com a bola rolando.

Com o terceiro lugar garantido após a vitória de 3 a 0, os holandeses voltaram à pornografia e alcançaram um índice quase 40% acima do normal.

Futebol e sexo causam descarga de tensão

Mas, afinal, além de muito curioso, o que os dados do YouPorn realmente mostram? É normal trocar pornografia por um bom jogo de futebol? O UOL Esporte buscou respostas com duas especialistas.

Mestre em saúde mental e pesquisadora do Instituto Psicoinfo, que estuda o comportamento do internauta brasileiro, Luciana Nunes não fica nem um pouco surpresa com o levantamento feito pelo YouPorn. “Existem três grandes fatores que levam as pessoas a usar, e às vezes abusar, da internet hoje: a interatividade, o alívio de tensão e o sexo”, explica a pesquisadora.

“Todas as alternativas têm algo em comum: a grande emoção que as envolve. São três formas naturais, fisiológicas, de descarga de tensão. E o que é um jogo de futebol? É uma catarse também”, diz Luciana. “Não à toa, se durante uma Copa do Mundo você perguntar para um fanático se ele prefere sair e ter um orgasmo fazendo sexo, ou assistir a um 8 a 7 ao invés de um 7 a 1, certamente a segunda opção irá ganhar”, acredita a estudiosa.

Luciana ressalta que a parcela de consumidores de pornografia considerada patológica, ou seja, de pessoas viciadas, é de apenas 4%. Isso significa que os outros 96% simplesmente escolhem o que poderá entretê-los naquele momento: sexo ou futebol. “A descarga emocional vai ser a mesma”, diz a pesquisadora.

Vale também para a política?

Também referência em comportamento sexual, Carmita Abdo é coordenadora do programa de estudos em sexualidade da USP (Universidade de São Paulo) e presidente da Associação Brasileira de Psiquiatria. Ela avalia que o acesso a outras fontes de prazer e divertimento, não apenas a pornografia, talvez tenha o mesmo comportamento durante uma partida de Copa de Mundo.

“Provavelmente também diminui porque as pessoas estão focadas na televisão. Acho que a pesquisa mostra apenas que, com a Copa, outros interesses acabam ficando de lado”, diz Carmita. Para a especialista, esse raciocínio vale tanto para um consumidor de pornografia quanto para, por exemplo, um cientista que deixa de acessar seu site acadêmico favorito para assistir a uma partida.

Esse poder de agregar interesses pode valer para a Copa do Mundo, mas nem tanto, por exemplo, para outro grande momento deste ano: as eleições.”A Copa é integradora. Leva as pessoas a torcerem por seus times, seus países. Já a política não é tão estimulante e agregadora. Ela divide as pessoas. Você rompe com aquele seu amigo de infância porque ele vota em outro partido”, explica Carmita.

Ou seja, podemos esperar mais gente largando por um instante seus vídeos favoritos durante a próxima Copa do Mundo. E voltando a eles para comemorar vitórias ou chorar derrotas. Já trocando a pornografia por um debate entre os candidatos... Só se gostar muito de política.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Blogs - Mauro Beting
Copa do Mundo 2018
EFE
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
UOL Esporte
UOL Esporte
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Blogs - Mauro Beting
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte vê TV
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Blog do Perrone
UOL Esporte - Futebol
Blogs - Mauro Beting
Copa do Mundo 2018
Blog de Esportes
Topo