Copa 2018

Sem Messi, Argentina sofre virada após abrir 2 a 0 e é goleada pela Nigéria

Mladen Antonov/AFP
Jogadores da Nigéria comemoram gol marcado por Kelechi Iheanacho contra a Argentina Imagem: Mladen Antonov/AFP

Do UOL, em São Paulo

14/11/2017 16h25

Sem contar com Lionel Messi, poupado pelo técnico Jorge Sampaoli, a Argentina perdeu de virada por 4 a 2 para a Nigéria nesta terça-feira (14), em amistoso disputado em Krasnodar, na Rússia. Éver Banega e Sergio Agüero abriram o placar para os sul-americanos, e Kelechi Iheanacho, Alex Iwobi, duas vezes, e Brian Idowu fizeram os gols da vitória dos nigerianos.

A Argentina saiu na frente com gol de falta marcado por Banega aos 27 minutos do primeiro tempo. Após recuo de bola para Daniel Akpeyi, o goleiro da Nigéria se complicou e acabou pegando a bola com a mão fora da área. Na cobrança, o meio-campista colocou a bola por fora da barreira no canto direito de infrator, marcando o primeiro da partida.

Nove minutos depois, Agüero ampliou para a Argentina. Cristian Pavón recebeu grande passe pelo lado direito, entrou na área e rolou para o centroavante, que só encostou na bola para mandá-la para as redes.

A Nigéria diminuiu ainda no primeiro tempo. Aos 45, Iheanacho cobrou com categoria falta sofrida por Iwobi e descontou para a seleção africana.

Logo aos sete minutos do segundo tempo, a Nigéria buscou a igualdade. Wilfred Ndidi recebeu a bola para a direita e tocou para trás. Iwobi recebeu livre e bateu forte, sem chances de defesa para Agustín Marchesín.

Três minutos depois, a Nigéria buscou a virada. Em rápida jogada da ofensiva dos africanos, Iheanacho serviu Idowu, que bateu para fazer o gol que colocou sua seleção em vantagem pela primeira vez na partida. 

A Nigéria ainda marcaria o quarto gol em linda jogada de Iwobi. Após receber de Ahmed Musa, o jogador do Arsenal driblou Javier Mascherano colocando a bola entre suas pernas e finalizou para dar números finais ao jogo.

Messi foi dispensado do jogo por Sampaoli, que afirmou em entrevista coletiva que quer diminuir a dependência do camisa 10 na seleção. Com aval do Barcelona, o astro tem aproveitado a data Fifa para repousar com sua família antes de se reapresentar ao clube.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Copa 2018

Topo