Copa 2018

Febre do "alô, mãe" faz G. Jesus fechar patrocínio com empresa de telefonia

Leonardo Benassatto/Reuters
Gabriel Jesus faz sua comemoração característica após marcar pela seleção contra o Chile Imagem: Leonardo Benassatto/Reuters

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Londres (Inglaterra)

11/11/2017 07h27

A mania começou em 2016, quando os gols ainda eram marcados pelo Palmeiras. No mesmo ano, a febre se alastrou pela seleção brasileira e atraiu a atenção de diversas empresas de telefonia. Agora, em 2017, a comemoração “Alô, mãe” fará Gabriel Jesus faturar. O atacante do Manchester City acertou um patrocínio com a Vivo em negociação potencializada pelo gesto que virou marca do jovem de 20 anos.

Além da Vivo, outras empresas do segmento já tinham procurado o atleta em função da exposição mundial da comemoração que ganhou as publicações mundiais especialmente a partir de novembro de 2016. Na época, Jesus comemorou um gol da seleção sobre a Argentina simulando uma ligação ao lado das estrelas já consagradas Neymar e Philippe Coutinho. Conforme revelou o UOL Esporte, o assédio aumentou naquele momento.

Nesta temporada, a partir da transferência para o futebol inglês, o acerto era questão de tempo.

"Temos que explorar, mas não pode ser algo que também tire a espontaneidade do Gabriel. A associação tem que ser de forma natural", ponderou o CEO da empresa que gerencia a imagem do atleta (Octagon), Gabriel Lima.

Divulgação
Gabriel Jesus posa com objeto de seu novo patrocinador Imagem: Divulgação

Além da Vivo, Gabriel Jesus já tinha acertado um patrocínio global com o Guaraná Antárctica e fechará mais dois grandes vínculos comerciais até a Copa do Mundo de 2018, quando será o camisa 9 da seleção brasileira na Rússia.

Também destaque da seleção brasileira, o meio campo do Barcelona Paulinho foi outro jogador a fechar contrato comercial com a Vivo até o Mundial. A empresa ainda patrocina a seleção brasileira e não esconde seu gosto por associação a nomes do futebol e da equipe.

"O futebol é uma grande conexão com os brasileiros. Entendemos que Gabriel e Paulinho têm muita sintonia com a estratégia da marca", explicou a diretora de imagem e comunicação da Vivo, Marina Daineze, após acertar o contrato com dois dos principais artilheiros do Brasil nas últimas Eliminatórias.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blogs - Mauro Beting
Copa do Mundo 2018
Blog de Esportes
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Blogs - Mauro Beting
Copa do Mundo 2018
Blog Patadas y gambetas
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Blog Patadas y gambetas
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
UOL Esporte
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Blog do Rafael Reis
UOL Esporte vê TV
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Blog do Marcel Rizzo
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018
Topo