Técnico da Argélia pode perder cargo antes do fim da Copa e muda meio time

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • AFP PHOTO / PHILIPPE DESMAZES

    Técnico da Argélia Vahid Halilhodzic pode perder emprego antes do fim da Copa do Mundo, diz jornalista

    Técnico da Argélia Vahid Halilhodzic pode perder emprego antes do fim da Copa do Mundo, diz jornalista

Segundo o jornalista Mohamed Belarbi, do Jornal Liberté, o técnico Vahid Halilhodzic, da Argélia, pode perder emprego antes mesmo do fim da Copa do Mundo. O repórter, que está em Porto Alegre acompanhando a seleção, explicou que o presidente da Federação Argelina de futebol exigiu mudanças após a derrota para Bélgica e se não vier bom resultado tem 95% de chance do comandante ser demitido. 

"O presidente da Federação, Mohamed Raoraoua, não gostou do que viu. A Argélia nunca passou da primeira fase na Copa do Mundo, mas sempre chegou na terceira partida com chances de classificação. Se não vencermos a Coreia, chegamos mortos na última partida, e o treinador será demitido", disse o jornalista. 
 
Por exigência do presidente da Federação, ao menos cinco alterações no time vão ocorrer. Saem: Taider, Ghoulan, Mahrez, Mostefa e Soudani. Entram: Mandi, Mesbah, Medjani, Ghilas e Brahimi. 
 
A formação argelina, assim, deve ser: Bohli; Mandi, Boughera, Halliche e Mesbah; Bentaleb, Medjani, Brahimi, Ferghouli e Djabou; Ghilas. 
 
"O treinador não fala com a imprensa da Argélia. Está brigado. E o presidente da Federação queria o demitir logo depois da derrota pra Bélgica. Porém, ficou com medo da resposta da torcida. Ele só vai conceder entrevista hoje [sábado] pois será obrigado pela Fifa", afirmou o jornalista se referindo a entrevista que sucede o treinamento realizado no Beira-Rio. 
 
A Argélia vendeu caro a derrota para Bélgica na estreia pela Copa do Mundo. O time africano saiu na frente mas não sustentou a pressão rival e acabou cedendo a virada. 
 
"Precisamos ganhar. Caso o time não vença, o treinador deve ser demitido antes mesmo do fim da Copa", garantiu o jornalista africano. 
 
Caso não seja demitido com infortúnio na Copa do Mundo, o bósnio que comanda a Argélia se despede da equipe ao fim do torneio. Ele já assinou um contrato com o Trabzonspor, da Turquia. 
 
Argélia e Coreia do Sul e enfrentam no domingo às 16h pela segunda rodada do grupo H. Completam a chave Bélgica e Rússia. 


Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos