Padrão Fifa? Só dentro da Arena da Baixada em evento-teste para a Copa

Guilherme Palenzuela
Do UOL, em Curitiba

Arena da Baixada, estádio da Copa-2014
Arena da Baixada, estádio da Copa-2014

Veja Também

O torcedor que foi à Arena da Baixada na noite desta quarta-feira para acompanhar o evento-teste do estádio que receberá quatro jogos da primeira fase da Copa do Mundo encontrou situações completamente diferentes dentro e fora da arena. A Copa esteve presente apenas do lado de dentro, com toda a pompa e organização padrão Fifa. Fora da Arena Baixada, porém, o estado é de caos enquanto o Atlético-PR corre contra o tempo para finalizar as obras até o dia 22 de maio, prazo final.

O evento-teste desta quarta-feira é um amistoso contra o Corinthians, que correu risco de ser cancelado ainda pela manhã quando o Atlético-PR teve de apresentar um laudo de engenharia que atestasse segurança no estádio para receber 30 mil espectadores, como o esperado. Como o clube assumiu a responsabilidade pela segurança, o Ministério Público do Paraná aceitou as garantias.

Do lado de fora da Arena, as obras estão em ritmo intenso. O cenário é o de qualquer outra obra, mas não das que teriam de estar concluídas daqui a um mês: tratores, entulho, areia e pedras. O próprio Comitê Organizador Local (COL) já havia avisado que o evento-teste desta quarta não contaria com 100% do padrão Fifa, mas a disparidade do que se viu dentro e fora do estádio foi muito grande.

Não houve perímetro isolado para a realização do amistoso no estádio. Qualquer pessoa poderia ter encostado nos ônibus que chegaram à Arena da Baixada às 18h15, por exemplo. Apesar do elevado número de policiais militares, absolutamente incomum para um jogo normal, não houve isolamento das áreas utilizadas pelas delegações dos dois times para chegar ao estádio.

A fachada da Arena Baixada está separada das ruas por um tapume de madeira que percorre quase todo o perímetro do estádio. Os ônibus de Atlético-PR e Corinthians entraram por um portão que se abriu entre os tapumes, e desembarcaram sob um prédio ainda em obras. No evento-teste que será realizado no domingo no Itaquerão, lar de abertura da Copa do Mundo, haverá algo mais próximo do padrão Fifa. Será isolado um perímetro e as determinações aparecerão também na área externa.

Dentro do estádio, a Copa do Mundo. Na chegada à área interna da Arena o mais impactante foi o número de seguranças. Foram 636 membros do corpo de segurança do COL destacados para trabalhar na partida. Todos trajando jaquetas nas cores laranja e amarelo fosforescentes, impossíveis de ficarem escondidos. Destes, 121 no gramado, separados por cerca de dois metros ao redor das quatro linhas do campo, com olhos voltados à arquibancada.

Ainda há áreas em obras nas arquibancadas. Alguns setores ainda não receberam todas as cadeiras e, por isso, o amistoso teve capacidade reduzida. As áreas internas da Arena da Baixada, fora do campo, também permanecem em trabalho. 

Notícias relacionadas



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos